São Paulo fecha acordo para ter Benítez; Vasco vai receber mais de R$ 2 milhões por rescisão

Clube de São Januário encaminha a saída do jogador, e Tricolor espera documentação do Independiente.

São Paulo, Vasco e Independiente se acertaram pela transferência de Benítez. A negociação fechada entre o Tricolor e o clube argentino ocorreu de forma paralela à rescisão do jogador com o time de São Januário.

Na tarde desta segunda-feira, o Vasco encaminhou a rescisão com o meia.

Por sua vez, o Tricolor considera a negociação entre os clubes fechada para um empréstimo com opção de compra até dezembro. O clube do Morumbi aguarda documentos complementares para anunciar a contratação.

O acerto entre São Paulo e Independiente pelo empréstimo de Benítez foi feito em três parcelas da seguinte maneira: o clube do Morumbi pagará 50% do valor à vista e os 50% restantes divididos em duas parcelas adicionais.

Após duas semanas de negociação porque o clube esperava alcançar as condições que considerava ideais para liberar o argentino, Vasco e Benítez costuraram um acordo de saída sem prejuízo financeiro aos cariocas e com uma compensação financeira – tal pagamento se dá porque o meia ficaria em São Januário até junho.

O clube de São Januário havia pago ao Independiente US$ 160 mil (R$ 903 mil) dos US$ 250 mil (R$ 1,4 milhão) estipulados para o empréstimo até junho.

No acerto pela rescisão, Benítez devolverá esse valor (havia um débito com o argentino de três salários e o 13º) e ainda pagará cerca de R$1,5 milhão a mais para o Vasco, como forma de indenização por sua saída antecipada.

O São Paulo contesta a informação de que pagaria ao Independiente os US$ 90 mil (R$ 507 mil) restantes dos US$ 250 mil pedidos pelos argentinos em janeiro, quando o acordo foi prorrogado até o meio da temporada.

Benítez em ação pelo Vasco contra o Flamengo — Foto: André Durão / ge

Benítez em ação pelo Vasco contra o Flamengo

Os clubes também acertaram o empréstimo de Paulinho Bóia ao Vasco até o fim de 2021. O time de São Januário pagará uma compensação financeira ao São Paulo pelo empréstimo, e o Tricolor vai arcar com os salários do jogador revelado em Cotia. O passo final para fechar a transferência é o acerto entre o jogador e os cariocas. Essa conversa está em andamento.

Benítez foi para o Vasco em fevereiro de 2020. Disputou 33 jogos e marcou três gols. Em dezembro, após o clube decidir por não comprá-lo, ficou decidido que voltaria para a Argentina. Em janeiro, porém, houve uma reviravolta e o empréstimo foi renovado.

O argentino foi reintegrado, mas não correspondeu. Jogou apenas sete dos 12 jogos com Luxemburgo, apresentou problemas físicos e desfalcou a equipe nas duas rodadas derradeiras, contra Corinthians e Goiás. Destacou-se apenas na vitória por 3 a 2 sobre o Atlético-MG e no empate por 1 a 1 com o Palmeiras, no qual marcou belo gol de falta.

Paulinho Boia, de 22 anos, disputou 22 partidas pelo São Paulo em 2020 e marcou um gol. Ele normalmente era uma opção de velocidade pelos lados do campo para segundo tempo durante o comando de Fernando Diniz.

Paulinho Boia corre em volta do gramado do CT do São Paulo — Foto: Divulgação São Paulo

Paulinho Boia corre em volta do gramado do CT do São Paulo

fonte : https://globoesporte.globo.com/sp/futebol/noticia/

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *